terça-feira, maio 28, 2024
HomeBrasilNicolelis afirma que cisão dos cientistas estava prevista no acordo firmado

Nicolelis afirma que cisão dos cientistas estava prevista no acordo firmado

Em entrevista coletiva concedida pelo neurocientista Miguel Nicolelis, realizada nessa quinta-feira (28) em Natal, o coordenador do Instituto Internacional de Neurociências de Natal afirmou que a separação entre o seu instituto e a Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) estava prevista desde o dia quando assinaram a parceria que garantiu a compra de equipamentos, parte dos quais já foi retirada do IINN. O convênio entre as duas tem como data de término em setembro, pois foi previsto que os pesquisadores retornassem aos seus destinos de origem.

Na segunda-feira (25), o jornal Folha de S. Paulo publicou que a ruptura entre as instituições poderia ser por conta de desentendimentos entre cientistas, mas essa informação foi negada pela reitoria da UFRN. Em contrapartida, a informação oficial indica que as disparidades seriam entre alguns cientistas e por problemas pessoais, o que não influenciou na decisão de fazer a separação entre os cientistas.

Com a ruptura, Nicolelis ficou somente com o chileno Rômulo Fuentes no IINN, sendo que os outros dez integrantes da equipe deixaram o local.

Da mesma maneira como foi informado por Nicolelis, a reitora da UFRN, Ângela Paiva, reiterou que a separação da equipe já estava prevista e a retirada dos equipamentos também. Por terem sido adquiridos em parceria público-privada, com financiamento da Finep (Financiadora de Estudos e Projetos), cabe aos órgãos públicos decidir o que vai acontecer com os objetos remanescentes.

LEIA TAMBÉM

Últimas Notícias