Publicado em: quarta-feira, 12/02/2014

Wagner Moura surpreende com atuação em Praia do Futuro

Wagner Moura surpreende com atuação em Praia do FuturoO filme Praia do Futuro está fazendo um grande sucesso, desde sua estreia durante o Festival de Berlim. O ator protagonista do longa metragem, Wagner Moura, declarou durante uma entrevista coletiva na Alemanha que não quer que Praia do Futuro seja rotulado apenas com um filme gay, já que ele trata de tantas outras questões, como a vontade de um homem de mudar de vida e de país, deixando tudo para trás, ficando sozinho, se sentindo deslocado em um lugar que não sente pertencimento.

Mas agora, depois do beijo gay entre Félix e Niko em Amor à Vida, e o lançamento do filme Hoje Eu Quero Voltar Sozinho, o filme com Wagner Moura deve contribuir também para quebrar novos parâmetros e preconceitos no Brasil, mesmo que numa escala bem menor do que o ocorrido com uma novela exibida em rede nacional na principal emissora do país, no horário nobre. Quem for acompanhar o longa no cinema no mês de maio vai se surpreender com a performance do ator que viveu o emblemático Capitão Nascimento em Tropa de Choque.

O cineasta Karim Aïnouz segue na contramão das comédias brasileiras, trazendo imagens marcantes com diálogos fortes. O filme inicia com uma marcante cena de afogamento, seguida por imagens de sexo entre Konrad e Donato, assim como o reencontro deste último com seu irmão, dando início a uma briga muito intensa, que se transforma em um abraço cheio de sofrimento. Os personagens do cineasta seguem sua tendência, de emoções a flor da pele.

Se nos outros filmes, como O Abismo Prateado e O Céu de Suely, o cineasta trazia a história de mulheres à deriva, agora ele mergulha com tudo em universo masculino, em vez de ação e muitos eventos, o filme opta por mostrar a observação dos personagens que seguem atrás de um sonho, mas sem saber do que se trata exatamente, apenas sem medo de seguir em frente e descobrir algo inexplorado.