Publicado em: quarta-feira, 14/12/2011

Votação da Lei Geral da Copa é adiada

A votação da Lei Geral da Copa do Mundo, que seria realizada na última terça-feira (13), teve de ser adiada. A Comissão Especial da Câmara dos Deputados suspendeu a votação do texto da lei que regulamento vários fatores a respeito da realização do Mundial no Brasil.

O principal motivo do adiamento foi as alterações feitas pelo relator do projeto, o deputado Vicente Cândido (PT-SP). O parlamentar efetuou algumas mudanças de última hora no texto da Lei Geral, o que fez com que o projeto precisasse ser analisado novamente pela Câmara.

Entre as alterações incluídas está a mudança do calendário escolar no ano da Copa do Mundo no Brasil, que inicia no dia 12 de julho. A proposta incluída na Lei Geral é de que o recesso escolar seja adaptado ao período em que o Mundial estiver acontecendo.

Outra mudança significativa feita por Vicente Cândido diz respeito à venda de bebidas alcoólicas nos estádios. A proposta inicial era de liberar o consumo e comercialização de bebida alcoólica em definitivo nos estádios do país, entretanto, o relator do projeto indicou que esta liberação ocorra somente durante a Copa do Mundo.