Publicado em: terça-feira, 15/07/2014

Vôlei: Vissotto aposta na força da Seleção Brasileira na fase final da Liga Mundial

Vôlei: Vissotto aposta na força da Seleção Brasileira na fase final da Liga MundialDepois de uma semana de trabalho intensivo na cidade de Modena, na Itália, o oposto Leandro Vissotto acredita que a Seleção Brasileira Masculina de Vôlei está forte para a disputa da fase final da Liga Mundial. De acordo com o jogador, as dificuldades que o Brasil teve para passar da fase anterior, fortaleceram a equipe comandada pelo técnico Bernardinho.

Maior vencedor da história da Liga Mundial com nove títulos conquistados, o Brasil será um rival complicado para as seleções adversárias, na opinião de Vissotto. Para ele, o time verde e amarelo cresce em momentos decisivos, assim como foi na primeira fase, quando conquistou as vitórias nos últimos jogos e será respeitado pelos jogadores oponentes.

Assim como Leandro Vissotto, o técnico Bernardinho segue o mesmo raciocínio e acredita que a equipe está mais confiante após os triunfos contra a Seleção Italiana. O treinador ressaltou que na fase atual da Liga do Mundial, são seis das dez melhores seleções do mundo que estão na briga pelo título.

O central Sidão, por sua vez, afirmou que está estudando a equipe da Rússia, mas admite que uma das principais preocupações é com a própria equipe da Seleção Brasileira. O atleta ressaltou a eficiência nos treinamentos das últimas semanas, como forma de preparação para os próximos jogos na competição.

Estreia do Brasil na fase final da Liga Mundial será neste meio de semana contra russos

A Seleção Brasileira volta à quadra nesta quinta-feira (17), para enfrentar a Rússia, às 12h30m (horário de Brasília), em Florença, na Itália, em jogo válido pela fase final da Liga Mundial. Antes disso, os russos abrem o Grupo I contra o time do Irã, no dia anterior, no mesmo horário e local. Pelo Grupo H, estão na disputa a dona da casa, a Itália, os Estados Unidos e a Austrália.