Publicado em: quinta-feira, 17/10/2013

Velocidade da internet cresce, porém Brasil ainda ocupa 80ª posição

Velocidade da internet cresce, porém Brasil ainda ocupa 80ª posiçãoA empresa especializada em internet Akamai divulgou ontem, (16) um ranking das velocidades da rede mundial de computadores em vários países. O Brasil ficou em 80º lugar, porém de acordo com a pesquisa no segundo trimestre deste ano, a velocidade do país cresceu 11%, ao ano o crescimento chegou a 15 pontos percentuais.

Quando avaliados a média em relação à média de picos de conexão, o país ocupa a posição 71ª com crescimento de 2,1% em comparação ao primeiro trimestre e 25% anuais. Segundo a pesquisa 129 países registraram aumento, irrelevante como a Bulgária 0,1% e outros de porcentagens bem significativas como, por exemplo, o Sudão com 93%, todos confrontando com o mesmo trimestre de 2012.

O estudo mostra que na América Latina a agilidade média de conexão oscilou com números na casa dos 3,6 Mbps, no México, até o mínimo entre os países de 0,9 Mbps, na Bolívia, eles ocupam a posição de México 58º e Bolívia 133º lugar na classificação geral. Já os picos de conexão da América Latina, os picos de conexão variaram Na Venezuela com 8,4 Mbps e no Equador 19,6 Mbps no Equador.

Ao discutir sobre a procedência das invasões na internet, o Brasil ficou na 8ª colocação como país de origem destas práticas, relacionando aumento de 1,8%. Durante a fase das análises, o documento detectou circulação de ataques com base em 175 nações ou regiões, dois a menos do que o constatado no trimestre passado. Os campeões deste ranking são respectivamente: Indonésia, com 38%, China, com 33% e Estados Unidos, com 6,9% de ações de natureza invasiva.

A pesquisa também revelou que a internet móvel mundial sofreu alterações, em nosso país a velocidade foi de 1,3 Mbps, o Brasil superou os demais em endereços de IPv4 com aumento de 12%, destaque no mundo. A variação no mundo foi de 9,7 Mbps até 0,5 Mbps também o mesmo período analisado anteriormente.