Publicado em: quinta-feira, 29/08/2013

Vasco x Nacional-AM: Cruzmaltino tem vantagem e favoritismo a favor para avançar na Copa do Brasil 2013

Copa do Brasil 2013No confronto entre times de Séries A e D, o Vasco da Gama já era amplamente favorito para conquistar uma vaga nas quartas de final da Copa do Brasil 2013, mas com a vitória por 2 a 0 no jogo de ida, no Estádio do SESI, em Manaus, o Cruzmaltino tem também uma vantagem bastante confortável no confronto. As equipes voltam a se enfrentar nesta quinta-feira (29), às 21h50, no Estádio de São Januário, no Rio de Janeiro.

Para avançar na competição, o Cruzmaltino pode até perder por um gol de diferença. Já o time amazonense precisa vencer por dois gols de diferença, e se quiser se classificar no tempo normal, terá de fazer no mínimo três gols.

Para esse jogo, o técnico Dorival Júnior não poderá escalar o zagueiro Rafael Vaz e o atacante André, que já disputaram esta edição da Copa do Brasil 2013 por Ceará e Santos, respectivamente. Assim, Jomar e Tenório ocuparão suas posições. No lugar de Fagner, que viajou para resolver problemas particulares, Nei será titular na lateral direita. No meio de campo, o experiente Juninho Pernambucano será poupado, e com isso, Montoya entra no time. Com um incômodo no joelho direito, Wendel não joga e será substituído por Fillipe Soutto.

Pelo lado do Nacional-AM, o técnico Léo Goiano fará muitas mudanças na defesa, em relação ao jogo de ida, em Manaus. A dupla de zaga será formada pelos estreantes Cris e Martony, já que Rafael Morisco cumpre suspensão automática pela expulsão no primeiro jogo, enquanto Emerson ficará na reserva. Nas laterais, Amaral e Badé entram nas vagas de Andrezinho e Wesley Bigu, respectivamente.

Nacional-AM também terá escalação diferente nos setores do meio de campo e ataque

No meio de campo outras mudanças. Somente Danilo Rios permanece entre os titulares, em relação ao jogo de ida. Fábio Souza, Erick e Roberto Dinamite entram nos lugares de Dênis Santos, Lídio e Evandro. No ataque, outra alteração. Marcinho e Garanha disputam posição para formar dupla ofensiva com Leonardo.

O árbitro da partida será Jean Pierre Gonçalves Lima, do Rio Grande do Sul, que será auxiliado por Marcelo Carvalho Van Gasse, de São Paulo e Cleriston Clay Barreto Rios, do Sergipe.