Publicado em: terça-feira, 10/11/2009

Universidade volta atrás sobre expulsão de aluna

Um dia após anunciar em anúncios em diversos jornais impressos do país, a Uniban (Universidade Bandeirante) decidiu que não irá expulsar a estudante Geisy Villa Nova Arruda. A nova decisão foi anunciada no início da noite de segunda-feira.

No último dia 22 de outubro, Geysi foi hostilizada por cerca de 700 alunos da instituição. O motivo seria o vestido curto que a aluna usava em sala de aula. O episódio ganhou repercussão nacional após ter o vídeo veiculado na internet.

No domingo, a Uniban emitiu um anúncio onde comunicava a expulsão de Geisy, alegando que a ‘conduta provocativa’ da aluna não era compatível com a instituição. A decisão da universidade teve repercussão negativa, e a União Nacional dos Estudantes emitiu um comunicado e fez protestos em frente ao prédio da Uniban, contra a expulsão de Geisy.

Na noite de segunda-feira, através de uma nota oficial, a universidade comunicou que revogava a decisão de expulsar a aluna, após uma reunião do conselho da universidade.