Publicado em: segunda-feira, 24/10/2011

União Europeia se reúne esta semana para buscar solução para a crise

Na manha desta segunda-feira (24), o presidente da Comissão Europeia, José Manuel Durão Barroso, admitiu estar confiante com a reunião desta quarta-feira (26) que irá contar com a presenta dos líderes da União Europeia para discutir formas de chegar a um acordo para evitar que a crise econômica continue a se alastrar. Na opinião dele, existe uma “compreensão” para a adoção de medidas comuns.

Porém, o primeiro-ministro da Grã-Bretanha, David Cameron, já comentou que os demais países que integram a União Europeias e também a zona do euro poderão “fiar sem voz” caso não compareçam para a discussão.

“O que ocorre é que os países da zona do euro estão se unindo. Mas, com a zona do euro se aproximando, existe o risco de que os países fora do euro acabem por ver os demais a tomar decisões que afetam o mercado único europeu, como é o caso de decisões sobre os serviços financeiros”, apontou Cameron.

Nesta quarta-feira, a reunião deve contar com a participação dos 27 países que integram a UE e também todos os 17 que fazem parte da zona do euro. Um dos temas que devem ser pautados durante o encontro são as formas para socorrer a Grécia, bem com planos que consigam fortalecer a economia da região.

Durão Barros avalia que mesmo com a existência de divergência entre os líderes, deve existir uma busca pelo consenso. “Pela qualidade da discussão, pela compreensão que notei nos diferentes primeiros-ministros sobre a situação, acredito que esse acordo vai existir”, afirmou.