Publicado em: sexta-feira, 18/05/2012

Trens da CPTM são afetadas por falhas e vandalismo

A linha 12-Safira da CPTM precisou operar com velocidade menor e com mais tempo de parada desde que abriu até em torno das 6h30 desta sexta-feira (18) por causa de um novo ato de vandalismo. De acordo com as informações fornecidas pela companhia, cabos de sinalização sofreram danos e acabaram afetando o trecho localizado entre as estações Itaquaquecetuba e Calmon Viana.

A CPTM já havia divulgado que outros casos de vandalismo havaiam provocado problemas no final da tarde de quinta-feira (17). Fios de eletricidade foram cortados, provocando a diminuição da velocidade entre as estações Tatuapé e Engenheiro Goulart, e também entre a Aracaré e a Calmon Viana. Até o início da noite o coserto já havia sido terminado.

Ainda durante a madrugada desta sexta-feira, aconteceu uma falha na via da linha 8-diamante. A empresa não soube dizer qual foi a falha, entretanto uma via auxiliar teve que entrar em operação, fazendo com que a circulação na linha 9-esmeralda, onde a linha tem ligação, fosse modificada. Assim, os trens da linha 9-esmeralda estavam indo somente até a estação Presidente Altino, não chegando até a estação Osasco.

Nos últimos meses, as linhas da CPTM tem registrado diversas falhas. No último dia 3, a linha 9-esmeralda precisou ter um trecho fechado antes da hora devido a necessidade de um trabalho de manutenção. Durante todo o dia, os trens circularam mais devagar e com mais tempo de parada, provocando lotações. Já no dia 14 de março, um problema na linha 9-esmeralda atingiu mais de 30 mil pessoas, pois o problema no sistema de energia obrigou os trens a circularem em somente uma via entre as estações Granja Julieta e Santo Amaro.