Publicado em: segunda-feira, 14/12/2009

Torcedores que agrediram deixam a prisão

Os três homens que agrediram o atacante Vagner Love na última semana foram soltos nesta sexta-feira, 11. Eles, que seriam torcedores do Palmeiras, brigaram com Love no começo do mês, uma semana antes de o Palmeiras enfrentar o Botafogo pelo Campeonato Brasileiro.

Nélio Ferreira e Silva, conhecido como Lagartixa, Maxsuel Santana Pereira e Deivison Correia Carvalho pagaram a fiança e agora vão responder o processo em liberdade. Eles ficaram presos por dez dias.

A defesa dos três agressores conseguiu desqualificar a acusação de racismo. Agora, eles provavelmente só responderão pelo crime de lesão corporal.

Tudo aconteceu quando Love saia de uma agência bancária em São Paulo. Os três homens teriam cercado o jogador, e o chamaram de ‘negão’ e ‘baladeiro’ antes de a agressão física começar. Lagartixa já é conhecido da polícia, já que ele esteve envolvido em uma agressão no aeroporto de Congonhas ao técnico do Palmeiras, Vanderlei Luxemburgo, no ano passado.