Publicado em: segunda-feira, 09/04/2012

Tite não vê vantagem em jogar mais perto do Brasil

O Corinthians embarcou nesta segunda-feira (9) para Foz do Iguaçu, onde deverá ficar concentrado para o jogo da penúltima rodada da fase de grupos da Copa Libertadores da América. Embora tenha um jogo fora de casa, o alvinegro do Parque São Jorge irá jogar bem perto do Brasil e deverá ter apoio maciço de seu torcedor.

O Nacional, do Paraguai, adversário da quarta-feira (11), decidiu transferir seu mando de campo de Assunção para Ciudad del Este, na fronteira com o Brasil. Com isso, a tendência é que o Corinthians conte com um grande número de torcedores no confronto.

Apesar do provável apoio do torcedor, Tite minimizou o fato, lembrando fatos recentes de sua passagem pelo Corinthians. O treinador recordou a partida contra o América-MG, no Campeonato Brasileiro do ano passado, quando jogou em Uberlândia e teve a maior parte da torcida, e ainda assim foi derrotado.

O Corinthians tem oito pontos, na segunda colocação do o grupo 6, e está bem perto de assegurar a vaga para as oitavas de final, enquanto que o Nacional tem quatro pontos a menos, com chances bem menores na competição.