Publicado em: terça-feira, 30/08/2011

Tite é cobrado por dirigentes

Após mais um derrota no Campeonato Brasileiro, o técnico Tite foi chamado para uma reunião com o presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, e outros dirigentes do clube. O encontro, na tarde de segunda-feira (29), teve como tema principal a queda de rendimento da equipe no Brasileirão.

O tom da conversa foi a cobrança pelos maus resultados do Corinthians nas últimas rodadas do Brasileirão. Nos nove últimos jogos, o time de Tite venceu apenas dois, mas ainda se manteve na liderança da competição graças aos tropeços dos concorrentes.

Apesar das cobranças, Tite não corre risco de demissão, asseguram os dirigentes corintianos. Embora alguns membros da diretoria tenham manisfestado um descontentamento com o técnico, Andrés Sanchez assegurou a permanência de Tite no cargo.

Embora tenha garantido que Tite fica no clube, Sanchez não escondeu sua preocupação com a atual campanha corintiana. O temor do mandatário alvinegro é que o clube desperdice a chance de faturar o Brasileirão, fato, que segundo sua análise, ocorreu no ano passado.