Publicado em: segunda-feira, 09/06/2014

Temporal alaga cidades em SC e desabriga 300 famílias

Temporal alaga cidades em SC e desabriga 300 famíliasNeste final de semana, fortes chuvas e ventanias que atingiram os estados de Santa Catarina e Paraná provocaram alagamentos em várias cidades, deixando famílias desabrigadas e cidades inteiras ilhadas. Conforme informou a Defesa Civil de Santa Catarina, até o fim da tarde de domingo, mais de 50 mil residências haviam sido afetadas e ficado sem energia, com o desabrigamento de 300 família. Na manhã de ontem, domingo, dia 8 de junho, moradores de Jaraguá do Sul, localizada a 190 quilômetros de Florianópolis, precisaram ser resgatados por tropas do Exército. Isso porque as águas do rio Itapocu no local chegaram a subir mais de 6,5 metros acima do leito normal, resultando no alagamento de parte do centro da cidade e também alguns bairros periféricos.

Alagamentos em Santa Catarina também foram registrados pela Defesa Civil nas cidades de: Mafra, Canoinhas, Major Vieira, São Bento do Sul, Papanduva, Vitor Meireles, Porto União e Irineópolis, resultando em mais de 200 famílias desabrigadas nestas regiões. Já em Blumenau, que está localizada no Vale do Itajaí, várias famílias precisaram ser deslocadas para partes mais altas do município, já que o Rio Itajaí estava 7m25 acima do nível considerado seguro.

Mais chuvas estão previstas ainda para boa parte dos estados de Santa Catarina e Paraná, aumentando o medo e tensão das famílias que já estão em locais de risco, além do grande número alto de famílias que já estão desabrigadas. No total, mais de quatro mil famílias devem ter sido afetadas. A previsão de mais chuvas preocupa especialmente Santa Catarina, já que se o leito dos rios Itajaí Açu passar dos oito metros, a água pode invadir as ruas do centro das cidades. Além disso, algumas cidades de Santa Catarina enfrentam uma greve no serviço público, o que está dificultando a mobilização de recursos na prevenção de novas cidades alagadas.