Publicado em: quarta-feira, 27/06/2012

Taxa de desemprego cai em sete regiões do país

De acordo com um levantamento divulgado nesta quarta-feira (27) pela Fundação Estadual de Análise de Dados (Seade) e pelo Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (Dieese), a taxa de desemprego em sete regiões do país caíram no mês de maio. Na ocasião, foi registrada uma taxa de 10,6%. Já em abril, a taxa registrada tinha sido de 10,8%.

Dessa forma, o número de pessoas desempregadas caiu em 46 mil, sendo que 34 mil delas foram colocadas em novos postos de trabalho e 12 mil a menos foram registradas no grupo da população que está economicamente ativa. O total de pessoas ocupadas nas sete regiões foi estimado em 19,993 milhões. No mês de abril, o número registrado foi de 19,959 milhões.

Além disso, o rendimento médio das pessoas que estão ocupadas cresceu em 0,7% em abril quando comparado com o mês anterior. Já quando considerada a massa de rendimentos dos ocupados, abril também apresentou um crescimento de 07% quando comparado com março. Quando comparado com o mesmo período do ano anterior, o rendimento médio real teve um aumento de 2,6% e a massa de rendimentos teve um aumento de 5,4%.

Índice de Desemprego em São Paulo

Na região metropolitana de São Paulo, o índice de desemprego caiu para 10,9% no mês de maio. Em abril, a taxa registrada tinha sido de 11,2%. O contingente de pessoas que estão desempregadas em maio foi de 1,183 milhão. Esse número é 35 mil a menos do que o que foi registrado no mês de abril. Em maio do ano passado, a taxa de desemprego nesta região foi de 10,7%.

Já o rendimento médio real das pessoas ocupadas que vivem na região metropolitana cresceu 1,6% em abril quando comparado com o mês anterior. A massa de rendimentos dos ocupados teve um aumento de 1,6% em abril ante março. Quando comparado com abril do ano anterior, a expansão registrada na massa de rendimento dos ocupados foi de 3,2%.