Publicado em: segunda-feira, 11/11/2013

SUS proporcionará mais quatro medicamentos para doenças dos pulmões

SUS proporcionará mais quatro medicamentos para doenças dos pulmõesO Ministério da Saúde incidirá a disseminar pelo Sistema Único de Saúde (SUS) quatro novos drogas para doenças pulmonares a partir do ano que vem, são elas: Ambrisentana e Bosentana para hipertensão arterial do pulmão, e Erlotinibe e Gefitinibe para casos de câncer. Publicações que possibilitam a repartição dos medicamentos foram divulgadas no “Diário Oficial da União”.

Conforme informações da pasta, o cálculo é que aproximadamente 5 mil pessoas em todo território brasileiro, usem esses quatro tópicos.

De acordo com o ministério, a Ambrisentana e a Bosentana são responsáveis com que as veias dos pulmões se alarguem, o que faz suavizar a força sanguínea. No ano passado, estiveram historiados 1.181 internamentos e 633 óbitos pela doença.

Logo os remédios para o tratamento do câncer, Erlotinibe e Gefitinibe, conforme o ministério bloqueiam o desenvolvimento, propagação e prolongamento da existência de células cancerígenas.

Em comunicação repassada, o governo confirmou que em 2012, 18.154 pessoas com a doença foram internadas. Foram anotadas em 2011, abrangendo câncer de pulmão e de brônquios, 22,3 mil falecimentos.

De acordo com o ministério, o SUS tem seis meses para liberar os remédios aos doentes. O ministro Alexandre Padilha citou que este período consente ao Ministério da Saúde deliberar a maneira de adquirir o item, que pode ser centrada no governo federal ou descentralizada, com financiamento das unidades de federação e cidades.