Publicado em: sexta-feira, 07/10/2011

Steve Jobs: 4,5 milhões de tuítes em 12 horas depois da sua morte

A empresa de inteligência Miti realizou um estudo logo após o anúncio da morte do co-fundador da Apple, Steve Jobs, que rastreou as mensagens a respeito do assunto publicadas no serviço de microblog Twitter. De acordo com o resultado da pesquisa, foram publicadas mais de 4,5 milhões de mensagens em 12 horas. O levantamento levou em consideração somente os tuítes com a menção exata à ‘Steve Jobs’. Portanto, o número de menções ao visionário da Apple pode ter sido ainda maior.

A pesquisa também percebeu que o seu falecimento gerou grande repercussão no Facebook, rede social mais popular nos Estados Unidos, país natal de Jobs. A mensagem publicada por Mark Zuckerberg, co-fundador da rede social, recebeu mais de 289.172 ‘curtidas’ e foi compartilhada por 21.305 usuários. Os números foram registrado pela empresa Miti. Outra empresa que fez o mesmo tipo de análise foi a Sysomos.

Para tentar estabelecer uma comparação, a morte do líder do grupo terrorista Al Qaeda, Osama Bin Laden, rendeu 2,2 milhões de tuítes. Esse levantamento foi feito pela Sysomos e considerou o mesmo período de tempo após a morte de Jobs. Outra manifestação percebida no Twitter foi a hashtag ‘RIP Steve Job’ em primeiro lugar na lista Trending Topics.

As espressões ‘ThankYouSteve’, ‘iSad’, ‘iHeaven’ e ‘iCloud’ também ocuparam alguma posição na lista dos assuntos mais comentados no microblog. A ferramenta trendistic mostrou que as hashtags mais relevantes representaram 12% das publicações no mundo. O co-fundador da Apple faleceu depois de ter lutado por vários anos contra um câncer pancreático.