Publicado em: segunda-feira, 16/07/2012

Stallone pede descrição sobre a morte do filho até que o caso seja concluído

O ator Sylvester Stallone decidiu comentar sobre a dor que está sentindo ao perder o filho, Sage Moonblood Stallone. Ele quebrou o silêncio dando uma entrevista para o site de celebridades TMZ, no qual falou sobre a morte do rapaz de 36 anos, e pediu para que todos respeitem a sua alma e o deixem descansar em paz.

Sylvester Stallone, de 64 anos, declarou em sua entrevista para o endereço eletrônico que seu filho era um jovem muito talentoso, e pediu para que o caso seja mantido com discrição até que a polícia o conclua. O astro do cinema afirmou que não existe dor maior do que um pai perder seu filho. Com este lamento, o ator implorou para que todos respeitem a memória de Sage e que tenham compaixão pela mãe do rapaz, Sasha Czack.

Caso

Stallone contou na publicação que a morte de Sage é agonizante e todos na família irão sentir esta perda para o resto da vida. O ator conta que Sage era o primogênito e, por este motivo, foi o “centro de seu universo”. Stallone pede que o deixem descansar em paz. Sage Moonblood Stallone foi encontrado sem vida na sexta-feira (13), em Los Angeles. O rapaz era diretor de cinema.

De acordo com o site de celebridades, a autópsia do corpo de Sage já foi encerrada. No entanto, ela só será divulgada com os exames toxicológicos, anunciados nas próximas seis semanas. A polícia acredita em overdose, porém, o advogado do rapaz, Robert Rhine, afirma que Sage nunca mostrou ser um usuário de drogas. Sage trabalhou com Stallone no filme Rocky 5, em 1990.