Publicado em: domingo, 20/04/2014

Sob ordem de liminar, Joinville x Portuguesa é interrompido pela primeira rodada da Série B

Sob ordem de liminar, Joinville x Portuguesa é interrompido pela primeira rodada da Série BPor causa de uma ordem judicial, o confronto entre Joinville e Portuguesa foi interrompido na noite da última sexta-feira (18), aos 16 minutos do primeiro tempo. Devido a uma liminar ganha por um torcedor da Lusa na 3ª Vara Cível do Foro Regional da Penha, em São Paulo, o delegado do jogo, Laudir Zermiani, parou a partida na Arena Joinville. O árbitro Marcos André Gomes da Penha deixou a súmula em branco, para que a CBF possa decidir o que será feito.

Notificado de que a Portuguesa estaria desrespeitando uma ordem judicial, o presidente do clube, Ilídio Lico, pediu para que seu filho, Marcos Lico, retirasse os jogadores de campo. Ao saber da informação, o técnico da Lusa, Argel Fucks, pediu imediatamente para que o time deixasse o gramado da Arena Joinville.

Antes de encerrar oficialmente a partida, o árbitro esperou 30 minutos após a paralisação. Agora, a Confederação Brasileira de Futebol decidirá se a Portuguesa perderá o confronto por WO, ou se o jogo será realizado novamente.

Após a entrada da Portuguesa no campo, a pedido de Ilídio Lico, o vice-presidente jurídico da Lusa, Orlando Cordeiro de Barros pediu demissão do cargo. Em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo, o dirigente declarou que como havia uma liminar, o correto seria a equipe sequer ter entrado no gramado na última sexta-feira.

Torcedor da Lusa consegue liminar que ‘derruba’ decisão do STJD

No dia 10 de abril, o torcedor da Portuguesa, Renato de Britto Azevedo teve uma liminar concedida pela juíza Adaísa Bernardi Isaac Halpern, na 3ª Vara Cível do Foro Regional da Penha, a qual contesta a decisão do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), sobre a punição de quatro pontos à Lusa pela escalação irregular do meia Héverton, na última rodada do Brasileirão de 2013. Dessa forma, o clube rubro-verde estaria apto apenas para disputar a Série A.