Publicado em: terça-feira, 06/08/2013

SISUTEC – Inscrições já estão abertas e oferecem mais de 240 mil vagas em cursos técnicos

SISUTecForam abertas nesta terça-feira inscrições para o Sisutec, o Sistema de Seleção Unificada que irá disponibilizar ao todo 239.792 para cursos técnicos e de formação profissional, estes cursos são gratuitos.

Integram o programa um total de 586 institutos, que são divididos em federais de educação, ciência e tecnologia, escolas técnicas da rede pública, dentre outras.

As inscrições vão até o dia 12 de agosto e podem ser realizadas pelo site do MEC.

Podem participar do programa todos os alunos que fizeram o ENEM de 2012.

Um número correspondente a 85% do total de vagas são reservadas a alunos das redes de escolas públicas ou particulares e para essas vagas serão consentidas bolsas integrais.

Quando for se candidatar o estudante pode escolher até duas opções dentre os cursos disponíveis.

Aluízio Mercadante, ministro da educação, declarou que o Sisutec vai ajudar no desenvolvimento do ensino técnico do país e que também é mais uma maneira de oferecer um curso profissionalizante e diz que essa modalidade de ensino no país não foi desenvolvida e por isso agora com essas iniciativas estão em busca do tempo perdido.

O Ministério vai divulgar a lista com o nome dos aprovados no dia 14 de agosto, os que forem aprovados em primeira chamada a matrícula será nos dias 15 e 16 deste mês, já para os que forem aprovados em segunda chamada os resultados sairão no dia 19.

As aulas já tem início marcado para começar entre 22 de agosto e 21 de outubro e todos os cursos oferecidos vão ter duração de um a dois anos, o programa é para os alunos que desejam continuar seus estudos e não tiveram nota suficiente para entrar em uma universidade.

Segundo Mercadante o número de pessoas que conseguiram entrar na faculdade no ano passado foi de 1.2 milhões, isso levando em consideração que 7 milhões de pessoas aproximadamente se inscreveram para fazer o Enem.

Mercadante disse ainda que é muito importante que essas vagas sejam criadas por que será uma nova oportunidade para esses quase seis milhões de alunos que desejam continuar seus estudos.