Publicado em: domingo, 16/03/2014

Sistema responsável por identificar celulares piratas, farão testes a partir de segunda

Sistema responsável por identificar celulares piratas, farão testes a partir de segundaO comércio de celulares piratas tinha se disseminado, eram aparelhos com dois, três chips, câmera e até televisão, tinham tudo o que o original possuía, porém sem garantia nenhuma. E agora, possuir um celular desses, ficará cada vez mais difícil, as operadoras de telefonia móvel, divulgaram ontem, sexta-feira (14), que começarão a testar na próximo segunda, um sistema que identifica chamadas feitas por celulares piratas, assim bloqueando-os. Contudo, este bloqueio só acontecerá a partir de setembro, durante este período, os celulares continuarão funcionando sem maiores problemas.

Esse sistema que terá eficácia daqui uns meses, será responsável por identificar um aparelho falsificado ou original e fazer o bloqueio, não permitindo mais a utilização, essa medida também é válida para tablets. A intenção é que os clientes sejam preservados, tendo segurança após comprar um aparelho, não sendo sujeitos a radiação excessiva e até mesmo uma explosão da bateria, além disso também é importante garantir a melhoria nos índices de qualidade das teles.

Bloqueio

Este procedimento de bloqueio, incluindo os tablets, sairá da fábrica com um número registrado, que se chama: IMEI. Esse número é muito importante, porque é responsável pela identificação do aparelho. Por sua vez, o chip também terá o próprio ‘RG’, um código chamado IMSI. Com estes códigos registrados, assim que o aparelho é ligado, é possível que a central das operadoras identifiquem por meio de transmissão, quem está falando em uma ligação e em qual aparelho. As empresas conseguem apontar que um celular é falsificado, porque aparecem em seus sistemas como “aviões fantasmas”. Esse método que as operadores estão adquirindo, cruzará a lista de registros nacionais e também estrangeiros para saber qual deles é verdadeiro. Se no caso for pirata, o sistema bloqueará na hora os sinais.