Publicado em: terça-feira, 21/08/2012

Siemens estuda cortar milhares de postos de trabalho

Siemens estuda cortar milhares de postos de trabalho  Uma grande empresa de engenharia da Alemana, a Siemens, está estudando a possibilidade de cortar milhares de postos de trabalho. A medida seria uma forma de resposta ao enfraquecimento contínuo da economia, principalmente dentro da Europa, conforme publicou um jornal alemão na terça feira (21).

As medidas podem se concretizar em outubro ou novembro, conforme foi informado pelo diário “Boersen-Zeitung”, que não chegou a citar nenhuma fonte para a informação. A Siemens decidiu não comentar as informações, mas o porta-voz da empresa teria declaro que o conselho de administração da Siemens iria abordar o tópico no próximo encontro, que acontece no mês de outubro.

Peter Löscher, o presidente do grupo, havia declarado em julho que seria dado inicio a um programa de economia e aumento da eficácia na produção, como forma de reduzir os custos. Também nesta ocasião, a empresa reveloue star sofrendo dificuldades para conseguir alcançar as metas deste ano do lucro previsto.

Foi também neste anúncio que a Siemens divulgou a ocorrência de uma grande queda em novas encomendas, envolta ao adiamento de vários investimentos por parte de clientes que estão lutando para não serem levados pela crise na Europa.

Somente na Alemanha, as encomendas chagaram a cair 43% ao longo destes nove primeiros meses do ano fiscal da Siemens. Até o final do mês de junho, a Siemens estava empregando 410 mil pessoas, das quais 129 mil na própria Alemanha. A Siemens é a maior companhia do país em valor de mercado, sendo ainda uma das maiores empregadoras na Alemanha, ficando atrás apenas da Volkswagen e Deutsche Post DHL.