Publicado em: quarta-feira, 29/02/2012

Serra oficializa pré-candidatura à Prefeitura de SP e participará das prévias

José Serra confirmou nesta terça-feira (28), em carta enviada ao Diretório Municipal do PSDB, a sua intenção em disputar as eleições para a prefeitura de São Paulo. Na segunda-feira o candidato anunciou sua decisão pelo Twitter, mas ainda não havia repassado a informação formalmente ao seu partido.

Em função da declaração de Serra, dois pré-candidatos tucanos desistiram da disputa interna do partido que aconteceria no início de março. Trata-se do secretário estadual de Cultura, Andrea Matarazzo, e do secretário de Meio Ambiente, Bruno Covas.

Matarazo e Covas saíram da disputa com o objetivo de apoiar a candidatura de Serra. Já os outros dois militantes do partido, o secretário estadual de Energia, José Aníbal, e o deputado federal Ricardo Trípoli não abriram mão da pré-candidatura e seguem na disputa ao lado de Serra. Também devido à decisão do ex-governador, as prévias tucanas que estavam previstas para acontecer no dia quatro foram adiadas para o dia 25 de março.

Na carta Serra diz ter aprendido a reconhecer que o interesse coletivo se sobrepõe aos planos pessoais, por isso resolveu entrar na disputa municipal. Ressaltou ainda que escutou os conselhos e sugestões de eleitores, parlamentares, amigos, dirigentes partidários e, principalmente, de Kassab e Alckmin. Serra também aproveitou a carta para criticar o Partido dos Trabalhadores (PT).

Prévias são adiadas para o final de março

A votação interna do partido que estava agendada para o dia 4 foi transferida para o dia 25 de março. Uma reunião realizada ontem pela Executiva do partido confirmou o adiamento que foi um pedido de Serra para se preparar melhor. Foram 10 votos favoráveis ao adiamento e oito contrários. A reunião de votação durou mais de três horas e foi marcada por muita tensão.

Muitos militantes não concordaram com a mudança de última hora e ficaram exaltados com a decisão. O presidente do diretório municipal da capital, Julio Semeghini, disse que as prévias estão mantidas, mas agora com a participação de Serra, que é considerado o favorito dentro do partido. Esta marcada para hoje (29) uma entrevista coletiva de Serra para falar sobre a candidatura.