Publicado em: terça-feira, 28/02/2012

Serra deve disputar a prefeitura de São Paulo em 2012

Segundo Gilberto Kassab (PSD), o ex-governador José Serra (PSDB) deve disputar as prévias do PSDB para ser candidato à Prefeitura de São Paulo. A declaração foi dada pelo atual prefeito de São Paulo no último sábado (25) em evento na capital paulista.

Serra, que no começo do ano não mostrava interesse em concorrer, mudou sua opinião depois que Kassab (PSD) iniciou negociações para apoiar Fernando Haddad (PT) na disputa. O PSDB, maior partido de oposição teme perder a prefeitura de São Paulo para o PT e Serra é o candidato mais indicado para que isso não ocorra.

Geraldo Alckmin e o prefeito Gilberto Kassab (PSD) se reuniram com o ex-governador para discutir a sua participação nas prévias do partido. Segundo Kassab (PSD), o importante é que Serra definiu sua candidatura e quer ser prefeito de São Paulo pelos próximos quatro anos.

O novo candidato do PSDB não quer que as prévias, que estão marcadas para o dia 4, sejam canceladas. Isso evita desgastes futuros por ter ultrapassado o processo interno do PSDB. Uma das possibilidades é que haja adiamento da disputa para que Serra tenha tempo hábil para entrar no processo e concorrer com os outros candidatos. Kassab já anunciou no sábado que Serra tem todo o seu apoio e que sua candidatura é muito positiva para a cidade de São Paulo, pois é uma pessoa com experiência e energia.

Matarazzo desiste da candidatura

Andréa Matarazzo, atual secretário de Estado da Cultura, anunciou no domingo (26) sua desistência das prévias do PSDB. A desistência se deve ao fato do ex-governador, José Serra, ter decidido participar das prévias. Apesar de saída de Matarazzo, os demais tucanos continuam na disputa. É o caso do secretário de Estado de Energia, José Aníbal, e o deputado federal Ricardo Trípoli. O terceiro candidato, o secretário de Estado do Meio Ambiente, Bruno Covas, ainda não anunciou se permanecerá nas prévias.