Publicado em: sexta-feira, 18/05/2012

Sem voz de Gobbi, Corinthians foge de polêmica com arbitragem

Após o empate sem gols com o Vasco na última quarta-feira, a delegação do Corinthians voltou do Rio de Janeiro e não quis muito papo com os jornalistas, principalmente sobre o polêmico gol anulado do Vasco.

Diferente daquilo que aconteceu na volta do Equador, quando o presidente do Timão, Mário Gobbi, criticou a arbitragem e afirmou que a Libertadores era um torneio mal organizado, ele ficou calado.

Quando surgiu no saguão do Aeroporto de Guarulhos, vários jornalistas se aproximaram dele e com um gesto disse que não iria conceder entrevista. Dessa forma, Leandro Castán foi um dos poucos que comentou sobre a partida.

De acordo com o zagueiro, o árbitro apitou super bem a partida e aquele lance do gol do Vasco foi muito difícil para o bandeirinha. Ele disse ainda que não adianta pressionar a arbitragem e que cada uma deve fazer o seu trabalho dentro de campos, os árbitros e os jogadores.