Publicado em: quarta-feira, 04/09/2013

Seleção Brasileira faz pior campanha e é eliminada na Copa América de Basquete

Seleção Brasileira faz pior campanha e é eliminada na Copa América de BasqueteNa última terça-feira (3), a Seleção Brasileira encerrou sua pior participação na história da Copa América de forma melancólica. Foram quatro jogos e quatro derrotas, a última para o time da Jamaica, que venceu o confronto por 78 a 76, no Ginásio Poliedro, em Caracas, na Venezuela. Com esse resultado, o time verde e amarelo só disputará o Campeonato Mundial no caso de ser convidado pela Federação Internacional de Basquetebol (Fiba), o que está longe de acontecer, devido ao fraco desempenho recente do Brasil.

A campanha vexatória acumulou derrotas para Porto Rico, Canadá e Uruguai, antes do desfecho traumático contra a Jamaica. Apesar do péssimo rendimento, os dirigentes ainda pleiteiam uma vaga no Mundial, já que nos últimos Jogos Olímpicos, de Londres, em 2012, a Seleção Brasileira foi a quinta colocada, e no ranking mundial, o time é o nono colocado. Até agora, o Brasil é ao lado dos Estados Unidos, o único País a participações de todas os 16 Mundiais da história.

Os poucos destaques da Seleção Brasileira diante da Jamaica foram Benite, que deixou o banco de reservas e marcou 12 pontos, Caio Torres, que apesar de sentir um incômodo na coluna, fez o mesmo número de pontos, além de Marcelinho Huertas, que distribuiu 12 assistências. O destaque jamaicano foi Samardo Samuels, autor de 21 pontos, melhor pontuador do confronto.

Nos minutos finais, quando as seleções empatavam por 76 a 76, Marcelinho Huertas errou o arremesso de três pontos e deu o contra-ataque aos jamaicanos, que sofreram falta. Nos lances livres, Akeem Scott acertou os arremessos e fez 78 a 76. Na sequência, Benite tentou a jogada de dois pontos para empatar, mas a bola bateu no aro, no último lance.

Pela terceira vez, Brasil não chega entre os quatro primeiros colocados na Copa América

Normalmente, a Seleção Brasileira historicamente tinha costume de chegar entre as quatro primeiras colocados na Copa América. Somente nas edições de 2003 e 2004 o time não ficou bem colocado na competição.