Publicado em: quinta-feira, 10/11/2011

Seleção Brasileira enfrenta, apenas com reservas, adversário fraco

Na partida desta quinta-feira, que acontece em Libreville, às 16h, a seleção brasileira entrará em campo com um time cheio de atletas novos e quase todos da reserva. O Brasil enfrentará a equipe do Gabão, adversário fraco que está em 68º no ranking da Fifa. É o time mais inexpressivo que a seleção de Mano Menezes irá encarar desde a chegada do técnico.

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) não permitiu que os atletas que atuem no Brasil participem destes amistosos devido a fase final do Campeonato Brasileiro. Com isso, Mano Menezes armou um time somente com jogadores que atuam no futebol europeu. Kaká não irá participar da partida, pois foi cortado da equipe após uma lesão muscular.

Sem os craques Kaká, Ronaldinho e Neymar, a seleção brasileira entrará em campo com uma equipe repleta de reservas das últimas convocações de Mano. Apenas o zagueiro David Luiz é titular. Ele entrou no lugar do ex-capitão Lúcio, que não convocado mais para o time deste a derrota para o time alemão. O técnico Mano escalou o time: Bruno César, Hernanes, Diegos Alvez, David Luiz, Adriano, Jonas, Hulk, Elias, Luisão, Sandro e Fábio.

O Gabão nunca disputou nenhuma Copa do Mundo e é um dos países com menos tradição neste esporte. Porém, nos últimos anos, o governo do Gabão tem dado estímulo e incentivo ao futebol no país, usando como recurso financeiro o petróleo. A equipe do Gabão tem em seu histórico de 2011 derrotas para equipes também sem grande prestígio, como Gâmbia, Omã e Senegal.