Publicado em: quinta-feira, 01/03/2012

Schumacher se diz culpado por acidente com Senna em 1992

Vinte anos após um polêmico acidente com Ayrton Senna, o piloto alemão Michael Schumacher assumiu a culpa pelo ocorrido. Na época, Schumi pilotava um Benetton e o brasileiro estava na McLaren.

O acidente aconteceu no GP da França de 1992 e a batida retirou os dois pilotos da corrida. A revelação de Schumacher aconteceu apenas devido a perguntas de internautas que participavam de uma campanha do Instituto Ayrton Senna.

De acordo com o heptacampeão mundial, os dois tiveram uma discussão em Magny-Cours e outras no início da temporada, mas naquele dia ele (Schumacher) foi o responsável pelo acidente e Senna foi tirar satisfação.

Na ocasião, Ayrton Senna impediu que a imprensa se aproximasse enquanto ele conversava com Schumacher. Bastante irritado, o brasileiro discutiu com o alemão, que não esboçou nenhuma reação.