Publicado em: quinta-feira, 03/05/2012

Sarkozy busca votos com eleitores de extrema-direita

Em sua última tentativa de conseguir votos, Nicolas Sarkozy, candidato à reeleição para a presidência da França, fez um apelo aos eleitores de extrema-direita. Nesta quarta-feira (2), o atual presidente francês enfrentou seu rival, François Hollande, em um debate na televisão. Como não conseguiu se impor em frente ao candidato socialista, Sarkozy apelou aos eleitores.

Depois do debate, Nicolas Sarkozy deu uma declaração para uma rádio local. Em sua fala, o candidato à reeleição tentou convencer aos que ouviam o programa a não votarem em branco nas eleições presidenciais, que serão realizadas no próximo domingo, dia 6 de maio. A campanha eleitoral foi encerrada nesta sexta-feira.

Apelo

Durante sua declaração na rádio, Nicolas Sarkozy se dirigiu para aos quase 20% de pessoas que votaram no partido de extrema-direita, Frente Nacional, nas eleições de primeiro turno, que aconteceram no dia 22 de abril. De acordo com a publicação do portal G1, o atual presidente disse aos ouvintes que as pesquisas de intenção de voto não estão falando a verdade.

Sarkozy disse para a rádio RTL que a eleição ainda está indefinida, e ficou mais depois de que ele e Hollande debateram na TV. Sarkozy perguntou aos eleitores de extrema-direita para quem seria vantagem que eles votassem em branco no domingo. O próprio respondeu que o beneficiado será o candidato socialista.