Publicado em: segunda-feira, 02/05/2011

São Paulo deixa o Clube dos 13 e entidade perde principal aliado

Principal articulador da reeleição de Fábio Koff para a presidência do Clube dos 13 o presidente do São Paulo, Juvenal Juvêncio, anunciou por meio do site oficial da equipe nesta segunda-feira (02) o desligamento do seu cargo da entidade.

A principal justificativa do São Paulo para o desligamento do Clube dos 13 foi que a entidade já não atende mais o interesse dos seus associados e de que o clube já atingiu o compromisso para qual foi eleito.

A carta que foi divulgada no site oficial do São Paulo, assinada por Juvenal Juvêncio, diz que o clube desistiu apenas da vice-presidência da entidade, mas que ainda vai contribuir como associado.

Com essa atitude, o São Paulo deve ceder a pressão da Rede Globo e acertar os direitos de transmissão dos jogos da equipe no Campeonato Brasileiro nos próximos anos. Já existe um acordo verbal, mas ele deve ser oficializado nas próximas semanas.

Com isso, apenas o presidente do Atlético Mineiro (Alexandre Kalill) apoia a entidade. Mas o homem forte do galo já anunciou que fica difícil não aceitar a proposta da Globo pois quase todos os clubes grandes do Brasil já o fizeram.