Publicado em: sábado, 31/03/2012

Salário médio mundial é R$ 2,7 mil

De acordo com um levantamento feito pela OIT (Organização Internacional do Trabalho), o valor médio do salário no mundo é US$ 1.480, o que equivale a aproximadamente R$ 2,7 mil. Os dados para o levantamento foram avaliados em 72 países. Isso significa que muitas das nações pobres, onde o salário é muito baixo, não participaram da pesquisa. Para a análise, os dados foram ajustados levando em consideração o custo de vida de cada país. Além disso, as informações levantadas dizem respeito somente aos trabalhadores com salário fixo e não englobam, por exemplo, autônomos ou benefícios sociais.

Na lista feita pela OIT com os 72 países, o Brasil aparece em 51ª posição. O salário médio avaliado no país é de US$ 778, o que equivale a cerca de R$ 1,4 mil. Já na outra ponta, onde há os melhores salários, estão Luxemburgo, Noruega, Áustria, Estados Unidos e Reino Unido, exatamente nesta ordem. Há países latino-americanos que estão em posições melhores que o Brasil. É o caso, por exemplo, da Argentina, que está em 40ª colocação, do Chile que aparece em 43º lugar, além do Panamá, que está um pouco a frente do Brasil, na 49ª posição.

Cálculo leva em consideração a receita mundial e número de pessoas no mundo

Para chegar a esse valor, os pesquisadores da OIT dividiram a receita mundial pelo número de habitantes. Neste contexto, considerou-se a receita mundial em US$ 70 trilhões, o que equivale a quase R$ 127 trilhões. Esse número foi dividido pelo número de pessoas no mundo (7 bilhões). Com esse cálculo, chegou-se a uma média anual de US$ 10 mil por pessoa, o que é igual a R$ 18 mil.

Com nem todos possuem o mesmo salário, é necessário estabelecer parâmetros de medição. Esse cálculo está sendo desenvolvido pela OIT, como um projeto ligado às Nações Unidas. É preciso considerar também outros fatores, como as pessoas que não trabalham, o câmbio e o custo de vida. Para a conta, a ONU leva em consideração o dólar PPC (Paridade de Poder de Compra).