Publicado em: quinta-feira, 22/09/2011

Saerjinho teve mais de 700 mil estudantes no RJ

A Secretaria estadual de Educação do Rio de Janeiro informou nesta quarta-feira (21) que aproximadamente 700 mil estudantes que estão matriculadas na rede de ensino estadual, da 5ª a 9ª série do ensino fundamental e também dos três anos anos do ensino médio participaram das provas de matemática e português que foram aplicadas pelo Sistema de Avaliação da educação do Estado do Rio de Janeiro (Saerjinho).

Esta é a terceira edição da prova que tem como objetivo avaliar o desempenho dos estudantes e também auxiliar os professores a criarem novos projetos e planos de aprendizagem. De acordo com a Secretaria, 1255 escola da rede estadual participaram da prova. Apenas 202 não realizar o exame, porém são escolas que tem como publico aluno a educação de jovens e adultos. Para a secretaria, com a avaliação os professores conhecem perceber de uma forma mais eficaz quais são as áreas que os alunos têm mais problemas.

Na terça-feira (20), os professores de alguns colégios da rede realizaram uma mobilização de 24 horas para protestar contra a aplicação do Saerjinho. Segundo o Sindicato estadual de Profissionais de Educação (Sepe), os profissionais acreditam que a prova serve como uma avaliação classificatória que tem como objetivo estabelecer salários diferentes a partir do rendimento de cada uma das escolas participantes.

A Secretaria de Educação respondeu a paralisação ao falar que o exame é aplicado de maneira opcional e que esta avaliação é válida por indicar formas de diferenciar o ensino a partir das necessidades de cada sala de aula.