Publicado em: quinta-feira, 26/07/2012

Roubos e homicídios crescem no Estado de São Paulo

A secretaria de Segurança Pública de São Paulo divulgou ontem (25), dados que demonstram o aumento nos índices de crimes violentos no estado. Segundo as informações do estudo, os números invertem a tendência que vem ocorrendo os últimos 12 anos, aonde a queda dos índices de violência vinha acontecendo paulatinamente.De abril a junho deste ano, 1.104 denúncias e ocorrências de homicídio doloso (aquele que tem a intenção de matar) foram registradas. No ano passado o número foi um pouco mais baixo (1.010). Isto representa um aumento de 9,3%. A pesquisa também demonstra um aumento significativo em roubos de veículos. Houve um acréscimo de 21,4% em comparação ao mesmo período do ano passado (de 19.042mil para 23.117).

Quando somados todos os crimes, como roubo, latrocínio, sequestro, estupro e homicídio doloso, chegam-se a números exorbitantes: 91.764 casos. Uma variação de 10,8% em comparação ao ano anterior. Além desse tipo de crime, pode-se somar ainda a nova onda dos criminoso do estado, que resume-se em ataques a bases da polícia, ônibus coletivos e confrontos de policiais com os suspeitos.

A capital paulista lidera o ranking da violência em todo o estado. Este ano o número nas ocorrências cresceu 27,2%, chegando a 347 casos de homicídios dolosos. Em casos de roubos de veículos o acréscimo foi de 22,7%, e em roubos seguidos de morte (latrocínio) ocorreu uma alta de 26,9%.