Publicado em: quarta-feira, 08/05/2013

Ronaldinho diz que Galo está preparado para possível adiantada de Rogério Ceni

Ronaldinho diz que Galo está preparado para possível adiantada de Rogério CeniRonaldinho foi um dos que fez parte do treinamento envolvendo cobranças de pênalti durante esta terça-feira (7), na Cidade do Galo e assegura que não teme o goleiro Rogério Ceni e diz preparado para que possa enfrentar ele se o goleiro do clube tricolor recorrer à estratégia que utilizou no final de semana, na semifinal do campeonato paulista contra o Corinthians, em que se adiantou aproximadamente 2,50 metros.

O meia-atacante do Atlético-MG não quis se envolver em polêmicas deste assunto, porém revelou que vai estudar o goleiro adversário. Ele diz que o time sempre acompanha os vídeos de contra quem irá jogar, e diz que viu que o goleiro se adiantou bastante nas cobranças, porém estão preparados se isto ocorrer. Fora o craque com passagens por Barcelona e Milan, Richarlyson, Gilberto Silva e Rever foram alguns dos jogadores que treinaram cobranças de pênalti durante a terça-feira, após o final do treinamento.

Durante o domingo, Rogério Ceni foi centro das atenções de uma discussão grande quando se adiantou muito e fez a defesa de pênalti cobrado pelo atacante Alexandre Pato, ex-companheiro de Ronaldinho no Milan durante o clássico de Corinthians e São Paulo, na semifinal do Campeonato Paulista. Após Rogério se adiantar 2,50 metros e de defender a cobrança de Pato, o árbitro mandou que a cobrança fosse feita outra vez e o atacante marcou o gol e fez com que o Corinthians chegasse nas finais do Campeonato Paulista contra o Santos.

O goleiro do time do Morumbi falou durante a terça-feira (7) que a adiantada é uma situação no jogo, que depende do árbitro e da boa vontade que ele tem. A função que o goleiro tem é de tentar fazer a defesa do pênalti. Ele diz que era a última chance após Cássio ter defendido o pênalti cobrado por Luis Fabiano. Rogério diz que era pegar ou pegar. Ele diz que é algo que ocorre durante o jogo, e alguns árbitros voltam a cobrança e outros não.

Ele diz que no sábado assistiu a outra semifinal entre Mogi Mirim e Santos, e o goleiro Rafael do clube da baixada santista também se adiantou e a cobrança valeu de maneira normal. Por fim o goleiro completou que aquele é o momento em que cada um faz o melhor, onde o goleiro quer fazer a defesa e o atacante marcar o gol e o arbitro que irá fazer o julgamento.