Publicado em: quinta-feira, 02/02/2012

Romney diz que sua campanha não está focada nos norte-americanos pobres

Nesta quarta-feira, dia 1º de fevereiro, o pré-candidato do Partido Republicano, Mitt Romney, fez uma declaração à rede americana CNN após ter vencido com ampla vantagem as primárias da Flórida. O ex-governador e empresário afirmou que o foco de sua campanha não está nos norte-americanos mais pobres. Isso porque, segundo o pré-candidato, eles têm “redes de segurança social”.

Durante a entrevista, Romney afirmou que não está preocupado com os mais pobres, mas se a rede de segurança precisar de ajustes, eles serão feitos. O pré-candidato republicano também afirmou que sua preocupação não está no eleitorado mais rico do país, porque eles estão se dando muito bem. Ele afirma que sua preocupação política está na classe média.

O político afirma que é preciso ter um foco na campanha, e a sua está preocupada com esta classe que some, segundo ele, 90,95% dos norte-americanos. Romney afirma que sua campanha está focada nos aposentados, naqueles que não conseguem encontrar um emprego e nos pais que estão lutando para que seus filhos entrem em uma universidade, por exemplo. Ele afirma que foram estas as pessoas mais prejudicadas durante o mandato de Barack Obama.

O ex-presidente da Câmara e principal adversário de Romney na disputa, Newt Gingrich, qualificou o atual presidente Obama como “food stamp”, fazendo referência aos programas assistenciais que auxiliam os mais pobres dos Estados Unidos com alimento. Gingrich afirmou que no período em que Obama governou foi o momento em que as pessoas mais procuraram pelos programas de assistência em toda a história do país.