Publicado em: quarta-feira, 15/08/2012

Romney afirma que campanha de Obama fala sobre ódio e ataques

Romney afirma que campanha de Obama fala sobre ódio e ataquesNesta quarta-feira (15), o candidato republicano para concorrer à presidência dos Estados Unidos, Mitt Romney, acusou o candidato democrata, e preside do país, Barack Obama, de criar uma campanha eleitoral que fala sobre o ódio, divisão e ataques. Romney deu suas declarações para o programa da CBS “The Mornig”.

Este é um momento em que os dois partidos, Democrata e Republicano, aumentaram o tom das acusações um contra o outro. Nesta terça-feira, o candidato democrata disse para Obama levar para Chicago seu ódio. Já o presidente norte-americano afirmou que Romney é um “transtornado”.

Campanha de Romney

O ex-governador de Massachusetts afirmou que sua campanha, ao contrário da de Obama é voltada para os empregos dos norte-americanos e que os Estados Unidos é uma fonte de “força e vitalidade”. Romney afirmou que seu rival, que tenta o segundo mandato como presidente, está lutando somente para continuar no comando do país e que para ser reeleito, segundo Romney, Obama fará qualquer coisa.

Os ataques de Romney não ficaram apenas com o presidente, mas também com o vice, Joe Biden. Biden declarou na Virgínia que as propostas de Romney irão colocar correntes na população. O candidato republicano rebateu afirmando que as considerações de Biden são “infundadas” e só afundam cada vez mais a Casa Branca.