Publicado em: terça-feira, 26/10/2010

Romeu Tuma morre aos 79 anos

O senador Romeu Tuma faleceu, aos 79 anos, no início da tarde de terça-feira (26), em São Paulo. A informação foi confirmada por seus familiares.

Romeu Tuma vinha enfrentando problemas de insuficiência cardíaca, fato que o obrigou a abandonar a campanha que vinha fazendo este ano em busca de um novo mandato como senador. Em setembro, o senador foi internado e submetido a uma cirurgia para a implantação de um coração artificial.

Por duas vezes Romeu Tuma foi eleito senador, a primeira vez em 1994, obtendo o segundo mandato em 2002. Tuma ainda foi candidato a prefeito em 200, mas não foi eleito, tendo ficado em quarto lugar.

Romeu Tuma construiu carreira como policial, tendo se tornado delegado durante a ditadura militar. Entre os anos de 1977 e 1983 Romeu Tuma exerceu o cargo de diretor de polícia especializada, tendo, no ano seguinte assumido a superintendência da Polícia Federal de São Paulo, e em seguida, diretor-geral da PF.