Publicado em: quarta-feira, 16/01/2013

Rio de Janeiro, Espírito Santo e interior de São Paulo adotarão nono dígito a partir do segundo semestre

Rio de Janeiro, Espírito Santo e interior de São Paulo adotarão nono dígito a partir do segundo semestreA Agência Nacional de Telecomunicações, também conhecida apenas pela sigla Anatel, divulgou nesta semana que o nono dígito para chamadas para telefones celulares deverá ser adotado por mais cidades ainda neste ano, assim como acontece com a capital São Paulo e demais cidades que utilizam o DDD 11 no segundo semestre do ano passado.

De acordo com as informações divulgadas pelo relatório da instituição, no estado de São Paulo os DDD atingidos pelas mudanças serão os 12 até o 19. Assim, todas as cidades paulistas deverão passar pelas mudanças ainda no segundo semestre deste ano.

Segundo a Anatel, as mudanças começarão a ser implantadas a partir do dia 25 de agosto até o dia 31 de dezembro desse ano, aos poucos, de forma escalonada. O prazo limite para que o estado de São Paulo inteiro passe a adotar o nono dígito em suas ligações para telefonia móvel é o começo de 2014.

A assessoria de imprensa da Anatel disse que no estado de São Paulo as mudanças acontecerão ao mesmo tempo em todas as cidades, a não ser naquelas com DDD 11, que já adotaram o nono dígito no ano passado.

Durante os primeiros 40 dias da mudança, as ligações feitas com 8 dígitos serão completadas. No entanto, o usuário terá que ouvir uma mensagem informando sobre a mudança e orientando a utilização do dígito ‘9’ antes do número de telefone.

Já nos estados do Rio de Janeiro e do Espírito Santo, a previsão é de que as mudanças na quantidade de números da telefonia móvel aconteça a partir do dia 25 de outubro deste ano, até 31 de janeiro de 2014.

Enquanto isso, o resto dos estados brasileiros devem adotar o nono dígito para os números de telefones celular até o ano de 2016.