Publicado em: sexta-feira, 05/08/2011

Revista divulga lista dos empresários de tecnologia mais mal vestidos do ano

Publicação da revista QG, cuja circulação fica concentrada nos Estados Unidos, mostra os empresários no topo da listas dos mais mal vestidos da região do Vale do Silício, na Califórnia, onde se concentram as empresas de tecnologia. Em primeiro lugar, Mark Zuckerberg, fundador do Facebook e atual CEO da rede social, lidera ao sempre aparecer com um visual de universitário que ainda não dá importância para a sua apresentação pessoal.

De acordo com o texto publicado na revista, “alheio ao fato de que jeans e gravatas são vendidos em tamanhos justos, o pai do Facebook gosta de reciclar o visual de universitários. O look de Zuckerberg é tão pobre, que até inspirou uma nova linha de produtos, Mark by Mark Zuckerberg, que felizmente não vende nenhuma peça.” Seguindo a fila liderada pelo fundador do Facebook, o CEO da Apple, Steve Jobs, fica em segundo lugar.

Dessa vez, a revista aproveita para fazer uma piada diretamente relacionada com a produção da empresa responsável pelos iPhones e MacBooks, pois “a Apple lança um novo iPhone a cada 0,5 segundo. O visual de Steve Jobs nunca é atualizado.” Nesse caso, a marca do representante da empresa é o moletom preto e calça jeans surrada.

Dando continuidade à colocação dos mais mal vestidos, o quais representam algumas das maiores empresas existentes, o fundador da Microsoft, Bill Gates, conquista o terceiro lugar. A revista critica a falta de sensibilidade para ternos de grife e com cortes considerados melhores, pois Gates prefere malhas em tricô com a gola no formato conhecido como “em V”.