Publicado em: quinta-feira, 26/07/2012

Resumo Novela Avenida Brasil 26-07 – Carminha mata Betânia e põe a culpa em Nina

A Novela Avenida Brasil vem surpreendendo os telespectadores depois que a trama atingiu o capítulo 100. Após Carminha descobrir que Nina é sua enteada e que estava em sua casa trabalhando como empregada, ela armou um plano terrível para dar sumiço na menina. Com a ajuda de Lúcio, ela enterrou a menina viva. Depois de conseguir escapar, Nina voltou para completar sua vingança. No episódio de terça-feira (24), a vingança da cozinheira finalmente começou. Ela consegue fazer com que Carminha seja sua empregada, e a faz limpar a casa e limpar o chão que ela sujou de propósito com sua própria saliva. Tudo isso graças as fotos que tirou da megera com Max, seu amante na chácara aonde se encontravam escondidos.

Mas a novela de João Emanuel Carneiro revelar ainda mais surpresas para fãs da trama. Irritada com a situação em que se encontra, Carminha consegue bolar um plano para tirar definitivamente Nina de seu caminho. Segundo informações de bastidores que foram divulgadas pela imprensa, a mando de Carminha, Lúcio mata Betânia e faz com que todas as evidências indiquem que Nina foi a culpada. A empregada, com medo de ser presa a qualquer momento resolve fugir, e não contará a ninguém seu paradeiro. O que Carminha não saberá é que sua enteada estará mais perto do que ela imagina, e observando todos os seus passos.

Roni pensa em desistir do casamento

Com o casamento chegando, Diógenes, o pai de Roni, vai marcar uma reunião para acertar os últimos detalhes da festa com o futuro casal. O objetivo é contabilizar o número de convidados, quem serão os padrinhos e como será a lua de mel dos noivos. Aos olhos do jogador, Suélen fica empolgada de mais com o evento e ele pensa seriamente em desmanchar o compromisso. Ao conversar com a noiva, ele diz que eles viverão um casamento de fachada e que ela está exagerando. A piriguete argumenta dizendo que para ela casamento é coisa sagrada, que sempre sonhou em casar de véu e grinalda e com um buquê de flores de laranjeira. Roni explica que como ela está tão empolgada o melhor a fazer é que eles repensem o casamento e que talvez seja melhor que eles nem se casem. Suélen fica abismada.

Mas a musa tem muitos admiradores no Divino. O maior deles, Leandro, vai acabar perdendo a cabeça por causa da garota. No dia do casamento ela, já vestida com o vestido de noiva, vai cruzar com o jogador que é amigo de seu futuro marido, e ele não conseguirá controlar o que sente pela menina. Leandro vai agarrar Suélen, mas ela o dispensará, dizendo que está gostando mesmo de ser noiva. Ele não perde a oportunidade e tira sarro da menina perguntando se na noite de núpcias eles ficarão jogando baralho. Roni chegará neste exato momento e convidará seu amigo para ser seu padrinho. Sem jeito ele aceitará.

Com relação aos padrinhos, Diógenes e Dolores convidam Scilas e Olenka para serem os padrinhos do filho.

Leleco e Muricy ficam juntos

Após serem flagrados por Tufão dando o maior amasso na despensa, os pais do jogador não conseguem esconder que sentem falta da companhia um do outro. A casa de Cabo Frio foi essencial para que eles ficassem juntos novamente. Mas, apesar da vontade, cada um possui outro companheiro e não podem simplesmente abandoná-los.

Quando a família toda vai dormir, Tessália tenta esquentar as coisas com Leleco, e pela primeira vez ele nega fogo e rejeita a menina. Ele usa a desculpa que não consegue se concentrar já que Adauto parece um lobisomem e não para de uivar. Ele se irrita dizendo que a atitude do rapaz é uma falta de respeito com a família. No outro quarto Muricy está sofrendo para conseguir fugir do namorado. Ela diz que não consegue se entregar a ele por que a família inteira está na casa, que não há clima. Adauto rebate dizendo que na mansão ela não se incomoda com isso. Ele ainda diz que lá ela não dá defeito dessa maneira e uiva para tentar seduzir a amada.

Darkson não resiste e beija Tessália

Ao pegar Muricy e Leleco aos beijos no baile do Divino, Darkson, que até então respeitava a lealdade de Tessália, decide não esconder mais seus sentimentos. Tudo começa quando ele resolve aconselhar Adauto a não investir em apenas uma mulher, e eles acabam brigando feio. Tessália tira o empregado da festa e o leva embora. Ela pergunta se a briga aconteceu por causa de mulher, e ele responde que de certa forma foi sim. A moça ainda diz que era só ele estalar os dedos que cinco ou seis mulheres se jogariam em cima dele no baile. Ele não resiste e agarra a menina. A esposa de Leleco o empurra e pergunta se ele está ficando louco. Cansado de esconder o que sente, Darkson diz que a ama a meses, e que não consegue parar de pensar nela. Ela fica chocada e diz que é melhor ele pedir demissão.