Publicado em: quinta-feira, 28/11/2013

Resumo da Novela Amor a Vida – Niko entrará na Justiça contra Amarilys e Eron

Resumo da Novela Amor a VidaNo Resumo da Novela Amor a Vida, Niko (Thiago Fragoso) cansará de ficar sofrendo pelos cantos e aconselhado por Félix (Mateus Solano) decide entrar com tudo na briga por Fabrício, nos próximos capítulos de Amor à Vida. O chef entrará na justiça para que seja feito o exame de paternidade que comprove que o bebê é filho de Eron (Marcello Antony) e Amarilys (Danielle Winits) na Justiça.

Niko conversará com Sílvia (Carol Castro), que não concordará com o empresário a princípio. Porém, ele argumenta que na última vez em que foram implantados óvulos fecundados em Amarilys, pode ter dado certo desmentindo o que a dermatologista vive dizendo. Sílvia entra no jogo e afirma que sob esta perspectiva ele tem sim aparato judicial para pedir o DNA.

Ela afirma a Niko que conversará com Eron e que certamente o advogado compreenderá o ponto de vista do ex-companheiro e resolverá fazer o teste numa boa.

Contudo a reação de Eron deixa Sílvia surpresa, mas ela o persuade informando que antes dele se relacionar intimamente com médica ela havia feito à terceira tentativa. Eron rebate dizendo que Amarilys teve um sangramento e que comprovaria que não tinha dado certa fertilização.

A advogada questiona se a médica foi, como em outras vezes, ao médico se certificar desta informação. Diante da negativa, ela fala ao colega de profissão que para colocar um ponto final nesta história, o ideal é que eles façam o exame de DNA e ainda o convence dizendo que se for comprovado que a criança é fruto do relacionamento entre o advogado e Amarilys, não tem juiz na face da terra que dará a guarda a Niko. Ela promete falar com o chef para que ele desista do menino se o filho for do ex-companheiro e da médica.

Eron cede e diz que vai conversar com Amarilys. Ardilosa ao extremo, a dermatologista se nega a fazer o exame e acha um absurdo a atitude de Niko.

Sílvia ao ser informada da atitude de Eron decidirá entrar na justiça e coagirá o médico Laerte (Pierre Baitelli) a apresentar o documento das fertilizações. O jovem ficará tenso, pois foi contra a ética da medicina ao realizar o procedimento utilizando os óvulos de Amarilys, que deveria ser somente a barriga de aluguel.

O agora casal é notificado e mesmo com a revolta de Amarilys cede amostras para avaliação genética. A dermatologista vai revelar que está obcecada pela situação e vontade de comprovar que é mãe de Fabrício. No dia da abertura do teste perante o tribunal, Amarilys comentará enigmática, que vai lutar pela criança e que o menino é filho dela de qualquer jeito. Eron não entende e questiona o que ela quer dizer com isso.

A vilã disfarça e diz que está tão certa do resultado de que eles são os pais do bebê que não imagina outra suposição.

Resumo da Novela Amor a Vida – Investigada, Glauce cometerá suicídio

Resumo da Novela Amor a Vida

No Resumo da Novela Amor a Vida, Glauce (Leona Cavalli) é mais uma figura dramática que sairá da novela. A médica decide por um fim a sua vida ao ser desmascarada em relação à morte da primeira esposa de Bruno (Malvino Salvador).

Glauce é culpada pelo falecimento de Luana (Gabriela Duarte), pois ela tinha problemas no coração e era imprescindível o acompanhamento de um cardiologista na hora do parto. Ciente desta informação, a médica foi propositalmente negligente e não pediu o especialista. Como era previsto o parto foi difícil e com complicações cardíacas Luana acabou morrendo durante a intervenção cirúrgica.

A obstetra entrará em pânico quando tiver conhecimento de que Atílio (Luis Melo) localizará o prontuário de Luana, a singular amostra que inculpa a médica por não ter requerido um cardiologista para seguir o nascimento do filho de Luana. Posteriormente, o prontuário vai cair nas mãos de Lutero (Ary Fontoura), que chocado, fala tudo para Paloma (Paolla Oliveira). Ele diz que Glauce tinha ciência que a esposa do Bruno era cardiopata e podia falecer no parto. Lutero sentencia que a médica é inteiramente culpada pelo óbito da Luana e da criança.

A presidente do hospital com sede de justiça confronta Glauce, que é denunciada pelo crime de assassinato. Entretanto ela só admite o crime para seu grande amor, Bruno. Ela revela que permitiu que Luana morresse porque ela era louca por ele, e confessa que sabia que a esposa dele tinha probabilidade de morrer no parto. Ela afirma que confessa o que fez e ainda esbraveja que não chamou propositalmente o especialista que era devido na sala de cirurgia.

Bruno fica fora de si e ambos discutem, o corretor parte pra cima da obstetra e quase a mata estrangulada, que só para quando é obstruído por Paloma. Sob coação, a loira marca uma reunião com Félix (Mateus Solano) e deixa com ele os relatórios que assinalam sua culpa na morte de Luana e da enfermeira Elenice.

Bêbada, ela fala que já adquiriu passagem para um lugar longe que não terá volta e dirige perigosamente até causar o acidente que a mata.