Publicado em: quinta-feira, 03/01/2013

Resultado Enem 2012 – Redações do Enem foram corrigidas três vezes

Enem 2012O Ministerio da Educacao (MEC) divulgou que uma em cada cinco redações passaram pela revisão de três corretores. Esse número é duas vezes maior que o ocorrido no ano de 2011. O MEC revelou que isso se deve ao aperfeiçoamento do sistema. No total, 4.113.558 redações foram corrigidas no exame deste ano. Delas, 826.798 entraram no sistema de terceira correção.

Isso acontece quando a nota final das duas primeiras correções tem diferença de no mínimo 200 pontos. Outra situação é quando a nota é diferente em mais de 80 pontos em cada uma das cinco competências avaliadas como necessárias para um bom texto. As provas entregues sem uma linha escrita somaram 1,82% do total. Já as redações que obtiveram nota zero foram um percentual de 1,76%.

O presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), Luiz Claudio Costa, revelou que os dados ficaram dentro do previsto. Técnicos e membros da Associacao Brasileita de Avaliacao (ABAV) fizeram simulacoes das possibilidades dos resultados de 2012.

Mesmo o edital do exame não prevendo a possibilidade de recurso administrativo pelos candidatos insatisfeitos com sua nota, uma estudante do Rio de Janeiro conseguiu na Justica o direito de ver a correção de sua prova de redação. Ela deve receber a correção até esta sexta-feira (4).

A jovem é a primeira a conseguir o direito de antecipar a vista da redação em 2012. O MEC informou que irá recorrer dessa e de outras decisões judiciais que possam vir. Todos os candidatos terão direito a vista pedagógica a partir do dia 6 de fevereiro. Para isso, o estudante deve inserir o CPF ou o número de inscrição e a senha no site do Inep.

A vista da correção faz parte de um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) firmado entre o MEC e o Ministério Público Federal em agosto de 2012. Segundo o MEC, ainda não havia uma ferramenta para permitir a consulta em 2011. As redações serão digitalizadas e carregadas no site do Inep. Na edição de 2012, a redação passou a ser corrigidas por duas pessoas sem que um tivesse conhecimento da nota dada pelo outro. O resultado final é a média de cinco notas dadas pelos dois corretores.