Publicado em: segunda-feira, 24/02/2014

Regulamentação vai obrigar que planos de saúde divulguem a qualidade dos serviços

Regulamentação vai obrigar que planos de saúde divulguem a qualidade dos serviçosAgência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) vai obrigar, a partir do mês que vem, a divulgação da qualidade dos serviços prestados pelos planos de saúde aos clientes, com responsabilidade do repasse destas informações sendo das próprias empresas. Hospitais, laboratórios e médicos autônomos terão de atender uma série de exigências estabelecidas pela ANS.

Os resultados da avaliação da agência terão de ser publicados em todo o material de divulgação das operadoras, tanto na internet quanto em materiais impressos. A ideia é aumentar a qualidade dos serviços oferecidos aos clientes através deste monitoramento mais rigoroso, reduzindo assim o fluxo de reclamações, a insatisfação e até mesmo prejuízos financeiros por parte dos clientes deste tipo de serviço.

Entre os itens da “check list” dos hospitais privados, por exemplo, estão taxa de infecção hospitalar, taxa de mortalidade cirúrgica, acessibilidade a pessoas com dificuldades motoras, tempo de espera na urgência e emergência e satisfação do cliente. Médicos que atendem em consultórios particulares, independente da especialidade que atendem, também serão avaliados e estarão sujeitos às mesmas regras. Quem não obedecer à nova normativa vai receber multa de R$ 35 mil.

Líderes de reclamações estão na mira

A partir de março, a Agência Nacional de Saúde Suplementar também fiscalizará e cobrará soluções de companhias privadas de saúde também em casos de reclamações que não sejam sobre planos de cobertura. Atualmente, a única exigência da ANS nesses casos é o respeito ao prazo máximo de resposta por parte das prestadoras de serviço. Porém, a partir do mês que vem, reclamações sobre temas como reajustes abusivos e quebras de contrato também serão tratados com rigor pela agência. Somente em 2013, a ANS recebeu mais de 100 mil reclamações, sendo que 70% delas eram sobre problemas com cobertura.