Publicado em: terça-feira, 15/10/2013

Redes sociais não são mais tabus para a terceira idade

Redes sociais não são mais tabus para a terceira idadeAquele velho pensamento que impunha a ideia de que a tecnologia e a terceira idade não combinavam, acaba de cair por terra. Os idosos de agora entram sim na internet como uma pessoa de qualquer idade.

Um levantamento feito em agosto pela empresa comScore dão conta de que mais de 80% dos usuários de internet do país, cujo a faixa etária está a partir dos 55 anos já possuem uma conta na famosa rede social Facebook. Estima-se de acordo com a pesquisa que o tempo de exposição na rede social chega a quase 20 minutos diários.

Hoje os idosos estão cada vez mais conectados com a internet, sejam em redes sociais, ou sites de notícias ou até mesmo como forma de comunicação com parentes distantes, geralmente filhos. O número de pessoas acima de 50 anos que acessam a rede mundial de computadores cresceu mais de 200% segundo o IBGE no período de 2005 até 2008 o número chegou aos impressionantes 8,1 milhões de internautas mais experientes.

A diretora da Faculdade Aberta para a Maturidade Ativa, Cristina Fogaça, afirma que hoje em dia o mundo tecnológico não é algo temido, desconhecido. Segundo ela, suas alunas quando não estão nas aulas estão batendo papo nas redes sociais e quando vão para algum passeio é comum vê-las tirando fotos e já atualizando as redes sociais. Algo que poderia até ser impensado há décadas atrás.

O mundo virtual, no entanto parece ser até mais fácil de entender do que os componentes do próprio computador e a manutenção do PC também confundem alguns idosos. Pesquisa do Ibope Media detalhou que os usuários de 65 a 75 anos ainda se mostram inseguros com o computador. O maior receio está na instalação de antivírus e os sistemas utilizados. Porém nada disso os impede de cada vez mais estarem antenados com a tecnologia do mundo em que vivem.