Publicado em: sexta-feira, 02/05/2014

Receita Federal reabre sistema para recebimento de declarações de Imposto de Renda retificadoras

Receita Federal reabre sistema para recebimento de declarações de Imposto de Renda retificadorasPara aqueles contribuintes que fizeram a entrega da declaração de Imposto de Renda com possíveis erros, ou simplesmente incompleta para não perder o prazo, a Receita Federal disponibiliza o sistema a partir desta sexta-feira para que estes possam entregar suas declarações retificadoras.

Como já havia sido adiantado pelo órgão responsável pelo recebimento das declarações, o sistema de recebimento seria interrompido durante toda a quinta-feira, e já a partir do segundo dia do mês de maio reabriria para que as retificadoras pudessem ser transmitidas.

Vale lembrar aos contribuintes que a entrega da declaração retificadoras não elimina a necessidade de pagamento da multa, já que o prazo inicial para aqueles que não desejavam pagar multa foi até o dia 30 do mês de abril.

Para aqueles contribuintes que desejarem fazer a retificadoras é necessário que se faça a atualização do programa de preenchimento da declaração bem como a do programa de transmissão do documento, já que a Receita Federal faz alterações desses softwares, vale lembrar que as pessoas que preencherem os modelos pelos programas antigos não conseguirão proceder a transmissão do documento para o órgão.

Para os contribuintes que procederem a declaração retificadora já no ato da transmissão do documento será emitido um DARF com o valor da multa para pagamento, que neste caso fica fixada no valor de R$ 165.74, para aqueles que não tem imposto a pagar ou de 20% sobre o imposto devido para aqueles que possuam taxas a serem pagas.

As pessoas que declararam o seu Imposto de Renda durante o prazo estipulado pela Receita Federal, ou seja até o dia 30 do mês de Abril receberão suas restituições de acordo com a data em que a declaração foi entregue, para as pessoas que realizaram a entrega do documento no decorrer dos primeiros dias em que o sistema estava apto para o recebimento dessas declarações, irão receber seus valores nos primeiros lotes e assim sucessivamente, também terão prioridade no recebimento idosos e portadores de necessidades especiais, sejam elas de natureza física ou mental.