Publicado em: segunda-feira, 15/04/2013

Raimundos, Fresno e Detonautas promovem show em homenagem a Chorão

Raimundos, Fresno e Detonautas promovem show em homenagem a ChorãoDurante a 5ª edição do Viradão Carioca, estiveram reunidos no mesmo palco várias gerações e vertentes do rock brasileira, como uma homenagem ao cantor Chorão. O evento aconteceu no Aeroclube de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. Músicos do Forfun, Fresno, Detonautas e Raimundos estiveram juntos para relembrar canções clássicas do Charlie Brown Jr. depois de completado pouco mais de um mês da morte do vocalista Chorão.

Estiveram no palco cantando Proibida para Mim e Zoio de Lula o tecladista do Forfun, Vitor Isensee, o vocalista Lucas, do Fresno e Tico Santa Cruz, do Detonautas. O público ficou bastante emocionado, composto principalmente por jovens e adolescentes que não se deixaram intimidar com a chuva forte que caiu na cidade no início da noite e seguiu por boa parte da madrugada.

Digão do Raimundos afirmou que o rock nunca morre e é para sempre e agradeceu Chorão. Depois da declaração, Digão pediu que os colegas continuassem no palco para dividir os vocais em outros dois clássicos da década passada, dos americanos Rage Agaisnt The Machine: “Eu Quero Ver o Oco” e “Killing in the Name”.

A homenagem previa apenas a interpretação da canção Proibida Pra Mim, mas acabou virando uma “jam session”. De acordo com o vocalista do Fresno, Lucas, o show foi demais, principalmente depois de que apenas uma canção acabou se tornando quatro. O Forfun foi a primeira banda a se apresenta na noite de sábado no Viradão e já havia prestado sua forma de homenagem ao cantar o Universo a Nosso Favor, cançar gravada em 2006 numa parceira entre Chorão e a banda ForFun.

De acordo com o tecladista da banda, Vitor Isensee, Chorão teria sido um agregador e que o Charlie Brown Jr sempre foi uma referência. Sobre a gravação e a parceira, o tecladista afirmou que foi uma experiência incrível, como se um jogador de futebol em começo de carreira pudesse ter a oportunidade de jogador com um grande craque.