Publicado em: sábado, 02/07/2011

Queixas poderão fazer com que empresa de lixo de SP receba menos

A partir de agora as empresas que forem contratadas para prestar serviços de limpeza nas ruas de São Paulo deverão cumprir metas de aprovação.

Assim, caso os moradores tenham alguma reclamação ou queixa dos serviços prestados pelas empresas envolvidas, o valor pago será descontado. Se o número de queixas continuar aumentando, o contrato do governo da cidade com a empresa pode ser desfeito.

A nova regra será incluída no edital de licitação do novo modelo de limpeza urbana da prefeitura de São Paulo, que foi anunciado nesta sexta-feira (01) pelo prefeito da capital, Gilberto Kassab.

Além disso, a nova licitação exige também que sejam instaladas 150 mil novas lixeiras por toda a cidade, além de prever que as empresas que são responsáveis por varrer a rua cuidem também das bocas de lobo.