Publicado em: segunda-feira, 23/06/2014

PT oficializa candidatura de Dilma para eleições

PT oficializa candidatura de Dilma para eleiçõesNo último sábado, dia 21 de junho, o Partido dos Trabalhadores (PT) oficializou a candidatura da atual presidente Dilma Rousseff para disputar as eleições em outubro deste ano. A convenção nacional do partido por realizado na capital Brasília e o nome de Dilma foi confirmado pelos dirigentes do PT.

Assim que a convenção teve início, o presidente do partido, Rui Falcão, anunciou a candidatura. Além de Dilma, o nome do vice-presidente Michel Temer também foi confirmado. Dilma subiu ao palanque e discursou ao lado de Lula.

Quem também irá se candidatar pelo PT será o ex-ministro da Saúde, Alexandre Padilha, que será candidato em São Paulo. Já no Distrito Federal, Agnelo Queiroz busca a reeleição. O PSD é um dos partidos aliados e quando Gilberto Kassab subiu ao palco, recebeu vaias dos afiliados ao PT.

Na aliança com o PT estão PcdoB, PP, PROS, PR, PSD, PRB e PDT. O PTB se mostrava como aliado, mas anunciou apoio à candidatura de Aécio Neves. Antes do pronunciamento de Dilma, os delegados do PT realizaram uma votação simbólica.

No discurso, Dilma ressaltou as ações de seu partido em relação à economia, à área social e também na política. A atual presidente diz que o povo espera por mudanças e quer que o país continue sendo dirigido por quem já mostrou que tem capacidade de transformação.

Dilma ressaltou que, pela primeira vez na história da política brasileira, o PT conseguiu colocar o povo como protagonista. Ela disse que precisa de mais quatro anos para completar as iniciativas que começou. Dilma falou que se sente mais madura para enfrentar as dificuldades e os desafios que terá pela frente.

O ex-presidente Lula também se pronunciou durante o evento do PT. Ele deixou claro que não existem divergências quanto ao governo dele e de Dilma. Lula diz que nunca houve chances de ele voltar ao poder e que agora é a vez de Dilma conquista a reeleição.