Publicado em: terça-feira, 06/03/2012

Programa de Adriane Galisteu é reclassificado

O programa “Muito+” comandado por Adriane Galisteu estreou com classificação livre. Mas precisou mudar para 10 anos, atendendo ao pedido do Ministério Público. Isso porque a atração apresenta conteúdos com conotação sexual.

A decisão foi divulgada nesta segunda-feira pelo Diário Oficial. Mas os problemas com o programa não param por aí. Isto porque o MP já estuda a possibilidade de aumentar novamente a classificação indicativa para 12 anos.

Isso deve acontecer, caso os temas abordados pela atração continuem sendo carregados de nudez, insinuação e uso de linguagem voltada ao sexo, além da vulgaridade. Isso prejudicaria a Band, pois com a mudança o programa teria que ir ao ar a partir das 20 horas.

“Muito+” seria bastante prejudicado com a mudança e corre o risco de ser cancelado. A Band já anunciou que está adequando o conteúdo da atração com as determinações do Ministério da Justiça.