Publicado em: segunda-feira, 03/10/2011

Professor que matou aluna com três tiros explica como realizou o crime

O professor universitário Rendrik Vieira matou na semana passada a aluna de 24 anos Suênia Souza Farias. Ele mesmo foi até a polícia se entregar e relatar o crime. Em seu depoimento, explicou que esperou Suênia na saída da faculdade e a seguiu de carro pela cidade, armado.

Ele assassinou Suênia com três tiros e depois levou o corpo da jovem para uma esquadra da periferia de Brasília e entregou-se às autoridades, afirmando esatr arrependido.

O professor afirmou à polícia que não tinha aceitado o fim do relacionamento amoroso que manteve com a jovem por dois meses. A polícia declarou que Rendrik falou pouco durante o depoimento.

Na faculdade, uma instituição privada bastante renomada de Brasília, Rendrik dava aulas de gestão empresarial com especialização nas áreas de direito do trabalho, gestão de negócios e direito civil. O marido de Suênia afirmou que o professor já ameaçava a esposa há meses.