Publicado em: sexta-feira, 04/04/2014

Produtor de Gaby Amarantos critica nova música da cantora

Produtor de Gaby Amarantos critica nova música da cantoraCarlos Eduardo Miranda descobriu o talento da cantora Gaby Amarantos e foi o responsável por lançar sua carreira. Para quem não se lembra, o produtor foi um dos jurados que fizeram parte dos programas de reality show chamados “Astros” e “Ídolos”. As atrações foram exibidas pelo SBT.

Mesmo tendo impulsionado o sucesso de Gaby Amarantos, Miranda não hesitou em fazer críticas sobre a nova música da paraense. A cantora se apresentou no início da semana no último dia do Big Brother Brasil (BBB14). Miranda divulgou sua opinião através de sua página no Facebook.

O produtor musical disse ter acordado triste após ter visto Gaby na televisão. Ele afirma que o novo single da cantora com o nome de “Gaby Ostentação” está direcionando a carreira para um lado não tão positivo. Miranda tem dúvidas quanto à qualidade da composição e do arranjo. Ele critica o vídeo de lançamento do single em que há a participação de artistas famosos.

Miranda ainda completou que as críticas não tem nada de pessoal, mas é uma questão cultural. Ele acredita que Gaby Amarantos tem muito talento e chegou a lançar um disco muito inovador. O produtor musical usou adjetivos como fuleira e brega para caracterizar a nova música da cantora. Ele questiona onde está a Gaby que ele conheceu e que existe um sentimento de perda em relação à ela.

A letra da música faz uma sátira do momento atual do funk conhecido por ser de ostentação. O ritmo mistura axé music e o tecnobrega. Além do single “Gaby Ostentação”, a cantora ainda mostrou a música “Look da Naza” no show que fez para os ex-BBBs, que nada mais é que uma versão em português de “Get Lucky”, composta por Daft Punk.

Gaby Amarantos anunciou como seria o seu novo álbum no final do ano passado. Na época, ela fez uma reunião com jornalistas para dizer que o trabalho seria pop e que queria que seu som tocasse em todas as rádios. Ela afirmou que as canção agregariam outros estilos misturados com a música paraense. O primeiro disco da cantora se chamou “Treme” e foi lançado no ano de 2012. Os singles que contagiaram o público foram “Ex Mai Love” e “Xirley”.